Mediação consciente da informação

o protagonismo social nas dissertações sobre mulheres e feminismo dos Programas de Pós-Graduação em Ciência da Informação do Brasil

Autores

Palavras-chave:

Mulher e ciência, Mediação da informação, Feminismo, Protagonismo Social, Gênero

Resumo

O presente estudo tem como objetivo, sob a ótica da mediação da informação, mapear as dissertações produzidas sobre mulheres e feminismo nos PPGCIs acadêmicos indexadas nos repositórios institucionais e identificar as/os pesquisadoras/es que mediaram conteúdos informacionais atinentes às temáticas em questão. Trata-se de uma pesquisa exploratória, documental, com abordagem quanti-qualitativa. O corpus foi composto de 23 dissertações produzidas entre 2010 e 2020, recuperadas dos repositórios institucionais e distribuídas em 7 PPGCIs. Como resultado do estudo, constata-se que a maioria das dissertações são produzidas e orientadas por mulheres e destaca-se o protagonismo do PPGCI do IBICT-UFRJ por ser o programa com maior quantitativo de pesquisas sobre as temáticas em questão, seguido por UFPB, UNESP e USP. Considera-se que a mediação consciente de pesquisas com foco nas mulheres se configura como uma ação protagonista, visto que elas agem e atuam em prol da visibilidade das mulheres no campo científico, antagonizando e ressignificando os esquemas hegemônicos de gênero. Conclui-se que apesar dos avanços dos estudos sobre mulheres e feminismo, em especial na última década, é necessária a realização de novas pesquisas e desdobramentos em interface com a informação, promovendo o protagonismo social das mulheres na Ciência da Informação.

Biografia do Autor

Ana Patrícia Silva Moura, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Professora Substituta no Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (DECIN/UFRN), doutoranda em Ciência da Informação pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Pernambuco (PPGCI/UFPE). Mestra em Ciência da Informação pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba (PPGCI/UFPB).

Gisele Rocha Côrtes, Universidade Federal da Paraíba

Professora associada do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba e professora do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba (PPGCI/UFPB)

Aurekelly Rodrigues da Silva, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Mestra em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba (2020). Bacharel em Arquivologia pela Universidade Federal da Paraíba (2017).

Downloads

Publicado

2024-01-04

Edição

Seção

Premiados do ENANCIB