Organização da informação em interfaces web

sinalizações da Arquitetura da Informação aos desenvolvedores front-end

Palavras-chave: Organização da informação, Arquitetura da Informação, Sistemas de organização, Interface web

Resumo

Apresentam-se os sistemas de organização estipulados na Arquitetura da Informação, como sinalizações aos desenvolvedores front-end de interfaces web. Contextualiza-se a pesquisa a partir da organização da informação discutida na Biblioteconomia e Ciência da Informação. Realiza-se breve apresentação sobre a Arquitetura da Informação, abordando o seu surgimento e os três círculos que formam o campo, considerados na criação do design de interfaces. Sinalizam-se, em sentido discursivo, três abordagens que compõem os sistemas de organização (organization systems), compreendidos como um conjunto de orientações que, de maneira lógica, tanto classifica as informações quanto direciona o funcionamento navegacional e de busca dos sistemas. Elencam-se as dificuldades para organizar informação na web, tais quais: a ambiguidade; os esquemas de organização exatos, como o alfabético; os esquemas de organização ambíguos, como o metafórico; e as estruturas de organização, como a hierarquia, inclusive de modo facetado. Conclui-se que as três abordagens apresentadas constituem um extrato de formas de organizar a informação e são comumente identificadas em websites, baseadas em aspectos como propósitos institucionais, perfis de usuários, claridade nas regras de divisão, especificidade temática e multidimensionalidade, normalizando a linguagem dos objetos e das questões dos usuários no combate às dificuldades naturalmente impostas pela web, como a ambiguidade e a heterogeneidade.

Biografia do Autor

Márcio Bezerra da Silva, Universidade de Brasília

Doutor em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Mestre em Ciência da Informação e Graduação em Biblioteconomia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Professor na Faculdade de Ciência da Informação (FCI), da Universidade de Brasília (UnB). Tem experiência nas áreas de Processamento de Dados e Organização do Conhecimento, atuando principalmente nas seguintes temáticas: organização da informação (com ênfase em sistemas de classificação bibliográfica e taxonomias facetadas/multidimensionais); metadados; banco de dados; arquitetura da informação (com ênfase em representação e organização da informação); design de interface; usabilidade; sistemas de automação de bibliotecas; bibliotecas digitais; repositórios digitais; e software livre. Membro dos grupos de estudos "G-Acervos manuscriptológicos, bibliográficos, iconográficos, etnográficos: organização, preservação e interfaces das tecnologias da informação e comunicação" (UFBA); e "Biblioteca Digital" (UnB). 

Publicado
2022-06-02
Seção
Premiados do ENANCIB