BIBLIOTECONOMIA NEGRA BRASILEIRA

caminhos, lutas e transformação

  • Franciéle Carneiro Garcês da Silva
  • Gustavo Silva Saldanha
Palavras-chave: Biblioteconomia negra — Estados Unidos, Biblioteconomia Negra —Brasil, História da Bibliotecononia, Educação — Biblioteconomia

Resumo

Esta comunicação visa reconhecer a construção de uma Biblioteconomia Negra Brasileira a partir da historicidade, da práxis e da transformação curricular do bibliotecário no contexto das culturas africana e afro-brasileira no Brasil. Abordamos as vertentes que fazem parte da formação em Biblioteconomia relacionadas às problemáticas sociais e à consciência ético-política. No âmbito internacional, realizamos a contextualização da Black Librarianship dos Estados Unidos, movimento criado para a introdução do pensamento africano na Biblioteconomia. Por fim, trazemos o conceito de Biblioteconomia Negra brasileira e os fatos, atores, ações e pesquisas que deram origem ao movimento de introdução das culturas afro. As conclusões apontam para as distinções da formação
de escolas críticas de pensamento no campo, visibilizando e problematizando a formação de uma tradição brasileira de teorias e de métodos através das lutas e das resistências da sociedade negra do país.

Publicado
2019-12-31
Seção
Artigos Científicos